Nanistore

Nome: Rosane Lima da Cunha
Idade: 44 anos
Marca: Nanistore
Local: Porto Alegre - RS


"Crafter" como hobbie ou profissão?
Crafter como profissão,tenho três filhos e além de me proporcionar uma boa renda, me dá a oportunidade de acompanhá-los no dia a dia.


Descreva o seu universo craft:
Meu universo craft é todo material de artesanato, linhas, lãs, tintas,materiais de decoração, blogs de artesanato, artigos para bebês o universo infantil em geral.


E foi assim tudo começou...
Eu sempre gostei de artesanato, cresci no meio onde vó, mãe e tias faziam crochet, tricot e costura.
Quando eu era pequena tudo era feito em casa,desde o pão até a roupa que vestíamos,quando pedia algo à minha mãe ela sempre falava isso a gente pode fazer em casa,então me acostumei assim.
Mas só comecei a fazer quando minha primeira filha nasceu, onde fiz as lembrancinhas de maternidade em Ponto Cruz,como ainda trabalhava fora não tinha muito tempo, foi só quando sai do emprego que comecei a fazer bonecas de pano,mochilinhas só mais tárde que conheci o feltro por intermédio de um grupo do yahoo,lá conheci algumas meninas que já faziam muitos trabalhos em Feltro e me encantei.
Na época a Myriam da Mascotinhos me incentivou a fazer alguns modelinhos de bichinhos em feltro,assim que coloquei a foto no Blog comecei a receber pedidos e não parei mais.
Criei então a Turminha do Barulho é como chamo meus filhos são sapecas,carinhosos e muito fofos!
Mais tárde surgiu a idéia de fazer os quadrinhos em 3D,porque na época quem fazia quadros fazia só no feltro,e eu comecei a colar os bichinhos nas caixinhas e fazer personalizado colocando irmãos,pais,bichinhos de estimação oque o cliente quer,algo que a pessoa se identifique com a composição.


Como a sua marca surgiu?
No começo eu usava a marca Handmade by Nani, foi quando comecei a fazer roupinhas para as bonecas Blythes e coloquei uma loja no Etsy um site Americano de vendas de produtos handmade e vintage, então comecei a usar o Nanistore, nesta loja tenho blusões de lã, vestidinhos e agora também coloquei brinquedos infantis direcionados ao público de fora do país.
Nani´s Store é loja da Nani e Nani é o meu apelido de infância, meu marido deu a idéia e gostei, agora estou usando no feltro também.





Quais são suas fontes de inspiração?
Tudo que se relaciona com o universo infantil, revistas japonesas, blogs de decoração, adoro assistir desenhos com minha pequena rsrs, jogar Nintendo DS em resumo o mundo infantil.

Conte sobre os materiais e as cores que mais te encantam:
Adoro tecidos em geral, feltros e linhas de bordar tenho muitas! As cores todas que existem gosto de fazer meus trabalhos bem coloridos, mas também gosto dos tons suaves.

Quais suas preferências ao criar?
Eu sempre converso muito com meus clientes, desenho um esboço do conjunto principalmente nos quadros, falo minhas idéias e depois vamos concluindo o Tema do quadrinho, e a medida que vou começando a confeccionar vão surgindo novas idéias e assim consigo terminar o trabalho.




Você trabalha sozinha ou possue uma equipe ? Conte um pouco como é sua rotina de trabalho:
Eu trabalho sozinha, porque sou muito detalhista o que até me dificulta o fator tempo, acho que a qualidade é essencial,o cliente receber o produto exatamente como na foto e não ter surpresas desagradáveis.
Eu não tenho ainda um cantinho Craft para mim, coloco tudo em caixas, por isso me acostumei a trabalhar em qualquer lugar, em casa, quando vou na minha mãe, no clube quando levo as crianças e assim vou levando porque quando você gosta do que faz isso se torna parte de você.


Ao caminhar, quais são seus projetos e ideais?
Eu adoro desafios e novas idéias sempre estão surgindo, estou fazendo uma nova linha de Lembrancinhas em tecido, mas ainda estou no começo das idéias, quero também aprender um pouco mais de crochet no qual adoro os bichinhos feitos em crochet, bem acho é isso a vida de um Crafter é ter uma mente inquieta e que vive um desafio a cada dia.



Sua sugestão para quem está iniciando:
Minha sugestão ou até várias é sobre algumas coisas que estou observando ultimamente, em novos Crafters.
Valorize seu trabalho, o trabalho artesanal não pode ser avaliado somente pelo valor do material que você gasta, mas sim pelo tempo que você leva para executar, tudo vai ser contado no valor final, desde o tempo que leva para conversar com cliente, embalagem, ida ao correio etc. Não estou falando aqui para superfaturar somente para cobrar um valor justo, porque você não é uma máquina que faz em série, ou uma fábrica da China onde escravisam as pessoas por centavos.
Se inspire muito em infinitos trabalhos, mas nunca copie algo de outro artesão, seja firme quando o cliente lhe pedir igual, explique que pode fazer com o seu toque pessoal, que é anti ético fazer isso com um colega de trabalho, tem muitas maneiras de você criar em cima de um outro trabalho sem copiar ,exerça a sua criatividade, peça dicas para amigos,converse com o próprio artesão, alguns disponibilizam moldes mas somente para uso próprio. Você vai ver que isso vai lhe dar uma segurança enorme sobre suas coisas e vai te fazer crescer interiormente e profissionalmente.
Não ache que porque você fez um modelo de uma revista que você é quem teve a idéia primeiro, o que tem em revistas é para qualquer pessoa fazer, por isso disponibilizam os moldes, mas você pode mudar e desenvolver algo diferente daquilo proposto na revista, dai sim é criação sua.
Não demore para responder emails aos clientes, isso dá uma má impressão a quem está do outro lado, principalmente mamães que ficam ansiosas para deixar tudo pronto para a chegada do bebê. Lembre-se que se você está vendendo um produto, você tem que ter paciência e responder quantas vezes forem necessárias para finalizar a compra. Seja profissional se você vai a uma loja você quer ser bem atendido e não esperar dias para o vendedor lhe atender.
Não veja a casa do outro como melhor que a sua, veja como uma casa bonita e admire, mas não queira ser igual, copiando nomes, expressões seja original.



Uma dica(s) sua de artesanato:
Sempre use material de qualidade e não tenha pressa em executar um trabalho, por exemplo se você for usar o enchimento de bonequinhos, bichinhos não poupe o produto não é tão caro e dá um aspecto de mal feito quando fica minguado com pouco enchimento.
Para o caseado dos bichinhos eu uso linhas de bordar 1 fio, compro meadas. Sempre depois que costuro os bichinhos eu acrescento a cola quente para as cabecinhas ficarem bem firme, só para dar um reforço porque as vezes a costura pode se soltar.
Use sempre tesouras afiadas, tenha bons objetos de trabalho para facilitar o máximo.
Crie o seu melhor jeito de trabalhar, o que é bom para mim talvez para você seja melhor de outra maneira, por isso tente de várias maneiras até achar o seu jeito.

Na sua opinião qual o diferencial do artesanato do seu país com o artesanato de outras partes do mundo?
Nós temos muitos artesanatos regionais com peças lindas, mas em geral com a Globalização e a Internet em alta acho que está mesclando muito e com a oportunidade de vendermos para a fora do País, temos que acompanhar as tendências para conseguir entrar neste mercado .


Se você fosse um aviamento, qual seria?
Eu não tenho um material que gosto mais, talvez uma agulha porque através dela incontáveis trabalhos são feitos.

Uma pequena lição de vida:
Ame o que faz acima de tudo, trabalhar é maravilhoso quando a gente encontra o trabalho ideal.

Como a internet influencia o seu trabalho?
A internet é a divulgação do meu trabalho,onde encontro parte das inspirações .
Vendo meus produtos, sem ela minha marca não existiria, acho que dá para perceber o que significa para mim "tudo".



Qual o endereço do seu blog?
www.nanistore.blogspot.com

www.flickr.com/nanipatch

www.nanistore.etsy.com

11 comentários:

Larissa Nascimento disse...

É uma excelente artesã seus trabalhos são lindos pe perfeitos. Parabéns pela qualidade que impõe em suas peças.

Sue Paula disse...

Boa tarde!
Parabéns pela entrevista! Os trabalhos da Nani são maravilhosos!!!
Abracinhos
Sue

Cris Rosa disse...

Adoro os trabalhos da Nani!
Parabéns!
Bjkas

Cissa Branco disse...

Os trabalhos da Nani são lindos e super diferentes, nunca vi nada igual aqui na cidade onde moro. Além dela ser um amor de pessoa, ainda tem talento para dar e vender. Adorei a entrevista, parabéns!

Julia Sáddi disse...

Oi Nani, prazer!!! Adorei conhecer um pouquinho mais sobre você e ter a oportunidade de ver seus lindos trabalhos. Tb quero um casaquinho para a Blythe que ainda vou comprar!!! : )
1 Abraço Carinhoso, Julia Sáddi

Nani disse...

Oi, meninas!
Obrigada por todo carinho estou muito contente em poder passar um pouquinho de mim para vocês.
Obrigada Quiane e Carine pela oportunidade e um beijão pra todas!
Nani

Bel Salomão disse...

A Nani é realmente uma artesã de mão cheia! Desde a perfeição do ponto cruz até os maravilhosos detalhes do feltro ela arrasa!!!
Isso sem falar que é uma pessoa em quem se pode contar sempre!

Entrevista com Quiane disse...

Querida Nani,

Nós é que temos que agradecê-la, sua entrevista ilustra muito bem a artesã experiente e caprichosa que você é, além das dicas e sugestões super preciosas que você compartilha aqui, adoramos ler e conhecer mais sobre você!!!!

Obrigada!!! Sucesso!!!

Carine e Quiane

Pepita disse...

Nani,

Seu trabalho é belissímo!!!

Adorei a entrevista ! Gostei quando vc comentou que devemos levar em conta nosso tempo gasto e não apenas o material.

Você é e sempre será fonte de inspiração para muitas de nós!

Parabéns e que Deus continue te inspirando bastante !!!
Paula

Camila Camargo disse...

Adorei conhecer Nani e seus trabalhos.. as dicas tambem estão ótimas!
bjks..

Arteira's Atelier disse...

Achei o máximo esta entrevista bem como a sua atitude em nos apresentar como as guerreiras, mulheres q fazem diferença.. amei de verdade parabens a artesã pelo lindo e caprichosos trabalhos e as mediadoras desta entrevista.. Bjm Mimi Arteira

add